sábado, 20 de fevereiro de 2010

Círculo de Mulheres





"O que é um Círculo de Mulheres e qual sua relação com o Sagrado Feminino?

'Você deve ter notado que tudo que um indígena faz é em Círculo. Isso acontece porque todo Poder do Mundo sempre trabalha em círculo e tudo tenta ser redondo... O céu é redondo e eu ouvi dizer que a Terra é redonda como uma bola e também as estrelas. O vento, no momento de seu maior poder, gira. Os pássaros fazem seus ninhos circulares, pois eles têm a mesma crença que nós... mesmo as estações formam um grande círculo de mudanças que sempre retornam ao seu início. A vida de um homem é um círculo que vai de infância a infância e assim é em tudo onde o poder atua.' Black Elk, Homem Santo dos Oglala Sioux

Os círculos fortalecem um vínculo afetivo capaz de despertar a beleza e a verdade, a criatividade e a espiritualidade. É uma forma arquetípica que parece familiar à psique da maioria das mulheres. Ele é pessoal e igualitário.

De acordo com Jean Shinoda Bolen '... quando um Círculo de mulheres está centrado, ele forma uma roda ou uma mandala invisível'.O Círculo reúne-se como que ao redor de um fogo sagrado no centro de uma lareira redonda. O centro é o que torna o Círculo especial ou sagrado. O centro invisível, como fonte de energia, compaixão e sabedoria.No círculo, como na vida, as mais valiosas lições surgem do fato de termos feito o melhor nas circunstâncias mais difíceis'.

'O círculo e seus membros se desenvolvem através de situações difíceis.'

Também é um dos símbolos associados à Deusa e ao feminino. Representa os muitos ciclos da vida e nós, mulheres, carregamos em nosso corpo todas as Luas, todos os ciclos, o poder do renascimento e da morte. Sendo assim, este arquétipo está diretamente ligado à mulher.



O Poder do Círculo de Mulheres

Fazer parte de um grupo de mulheres é um grande compromisso com a vida, é um ato de coragem e de amor.

Conhecer os segredos da vida, as vozes do inconsciente, o canto das fadas e o encanto dos seres do mundo paralelo é uma nova forma de viver, de envolver-se e de amar.

Se a lua habita no seu coração e você sente o convite do mistério como um canto de sereia, irresistível e belo, vem, solta seus pés como uma dançarina, abre um sorriso para a vida, use seus braços como asas de uma borboleta e voe para o sonho"...




Autoria: Soraya Mariani
http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=07666

Imagens: Internet


4 comentários:

*Teresa Cristina* disse...

Muito dez!!!
Sabedoria profunda, adorei vir aprender mais.
Bjss♥

Sonia Schmorantz disse...

Muito interessante este texto, mas ainda a mensagem que dele se deduz!
beijo, lindo domingo

Norma Villares disse...

Que lindas danças sagradas.
Belíssimo texto, sempre que posso faço dança sagrada.
Beijinhos de luzes e cores

Luciana Onofre disse...

adorei seu espaço!

luciana