domingo, 11 de março de 2012

Os Benefícios da Música Clássica




"Nos dias atuais comprovam-se, pelas pesquisas científicas, os benefícios que a música clássica, e também músicas instrumentais suaves proporcionam. Elas podem atuar no corpo e mente, como auxiliares no tratamento de várias doenças e também ajudam a melhoram nosso QI .
A música clássica é um meio de restaurar a harmonia do corpo, da alma, e da elevação da nossa consciência. Ela pode ser também auxiliar no combate à negatividade, ao stress e à desequilíbrios psicossomáticos.
A música elevada pode restabelecer a serenidade da mente, pois atua no ritmo e na frequência de nosso corpo. Em ritmos lentos, o corpo escuta-o, e pulsa de acordo com ele, reduzindo o ritmo agitado em que estava. Isso produz um efeito de massagem sonora, diminuindo as tensões.
A boa música atua diretamente no subconsciente, trazendo harmonização e sentimentos elevados, e favorecendo a cura em geral, afirma Dr. Márcio Bontempo. As mudanças que a boa música pode produzir são muito profundas, transcendem a nossa compreensão e podem produzir mudanças até mesmo a nível celular e no DNA, modificando aspectos sutis que desconhecemos.
Também o som de instrumentos musicais como o de pianos, violinos, sopros, etc.., trazem efeitos benéficos para harmonização da saúde física e emocional, de acordo com um estudo realizado pelo psiquiatra inglês, Robert Schauffer.
No Japão, o cientista Dr. Masaru Emoto, realizou uma experiência tocando músicas clássicas próximas à moléculas de água. Em análise microscópica, provou que as moléculas da água se agruparam em forma de belas mandalas. Outra parcela da água, colocada próxima ao som de ritmos de baixa vibração, como o rock, apresentaram formas distorcidas ao serem analisadas no microscópio.
Além dos benefícios citados, certos tipos de música têm um poder adicional de atrair energias elevadas, atuando nos níveis emocional e energético, auxiliando na obtenção de pensamentos e sentimentos elevados.
A música clássica pode também favorecer a um estado de paz, bem-estar e harmonia durante nossas atividades diárias, eliminando padrões negativos de pensamento quando escutadas com frequência. O livro Sons Musicais cita: “A música pode fazer pela alma o que nenhuma atividade perceptível aos sentidos pode realizar” (p.51).


A Guru e escritora esotérica, Elizabeth Clare Prophet, diz: “Eu alerto a todos que procuram ser verdadeiramente alquimistas do espírito, a procurar as músicas clássicas dos maiores compositores do mundo: Beethoven, Bach, Wagner, Liszt, Mozart (...) e muitos outros.”. (P. Sab.v.13, Nº8)
Estudos constataram que jovens que passaram a escutar músicas clássicas apresentaram melhor capacidade de concentração e aproveitamento nos estudos. O Centro de Pesquisas e Aplicações Psicomusicais da França comprovou o grande efeito benéfico que algumas músicas clássicas produziam como fundos musicais nos ambientes de trabalho. A produtividade aumentou quando passaram a escutar músicas clássicas no trabalho.

Em muitos hospitais dos Estados Unidos utiliza-se a música clássica como auxiliar na cura dos pacientes. As gestantes que escutaram música clássica na gravidez apresentaram uma gestação mais tranquila e os bebês tiveram uma infância mais saudável.
Em experimentos com plantas colocadas ao som de músicas clássicas, constatou-se uma melhora do desenvolvimento das plantas. O mesmo experimento foi realizado com animais, que apresentaram um comportamento positivo à escuta destas músicas, em comparação à outros tipos de ritmos. Enfim existem milhares de experimentos e centenas de livros que atestam estas afirmações.

Se a música clássica traz tantos benefícios, concluímos que a inclusão de sua escuta, no dia a dia, é algo valioso e imprescindível. Devemos, portanto, adquirir este hábito tão saudável a fim de obter uma vida melhor e mais saudável.
Além das músicas clássicas, as valsas vienenses são o ritmo que auxilia na transmutação e energização de pessoas e ambientes. Também são recomendadas ou consideradas neutras, de modo geral (pois há exceções): músicas religiosas, corais, mantras, orientais tradicionais, étnicas, instrumentais suaves, new-age, folclóricas, regionais, marchas, canções populares com letras edificantes; enfim, músicas que elevem a consciência e tragam bem-estar.
De modo contrário, ritmos como (...), funk e similares; dance e ritmos agressivos atuais, trazem grande nocividade ao corpo e mente, dentre eles; o baixo rendimento escolar, os distúrbios psicológicos e danos à saúde.
As notas-chave podem também ser usadas para relaxamento, ajudando no combate a distúrbios como stress. Sugerimos a escuta de músicas suaves como: Sonata ao Luar; Estrela Vespertina e Parsifal, de Wagner; Ária em G, de Bach; Ave Maria, de Schubert; O Cisne; e tantas outras...
Coloque-se num local apropriado, relaxe e medite, respirando suave e profundamente, durante todo o tempo, com a mente livre de pensamentos. Deixe-se envolver pelas melodias tocadas repetidamente; visualize-se banhado por esta luz sonora que preenche as suas células e o energiza."



Autoria: Luciano Cesa

Imagem:

carlalindolfo.wordpress.com 



6 comentários:

ॐ Patrícia Melo disse...

É mesmo Adélia, a música "vai fundo na alma"...
Até meus cachorrinhos se acalmam, gosto de ouvir música tranquila para postar no blog ou no facebook, elas ficam ao meu lado e dormem, até ficam de barriguinha pra cima, um mimo.
A boa música nos eleva, nos inspira...
Beijos querida, namaste!

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Patrícia Querida, bem lembrado, quanto aos animais que também se beneficiam das melodias musicais. Grata pelo comentário tão oportuno! Beijos.

Lucyleide disse...

Perfeito, Adélia querida! Sempre oportuno lembrar que a música clássica purifica a mente, induz ao relaxamento, acalma o corpo, eleva a alma e aquece o coração.
Adorei seu blog. Compartilho das idéias expressas em seus posts e das citações de vários autores que menciona e que tanto contribuiram e contribuem para o progresso da humanidade, dentre os quais destaco especialmente Khalil Gibran, Joseph Campbell, Eva Pierrakos, Brian Weiss, Saramago, Frei Beto, Rubem Alves e, é claro, a sabedoria e iluminação do Bhagavad Gita.
Parabéns pela grandeza de seu Ser.
Beijos

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Lucy Querida, seja sempre bem-vinda aqui! Seu comentário traz em si: riqueza intelectual, emocional e espiritual. Muito Grata pela visita! Beijo.

Lucyleide disse...

Querida Adélia, é com grande alegria que desfruto de mais esta oportunidade de compartilhar de seus ensinamentos e das inestimáveis lições de amor e sabedoria que transmite, de tantas e tantas maneiras. Aqui encontro eco para meus pensamentos, valores e sentimentos. É uma gostosa sensação de ter a alma ressoando em harmonia.
Beijos em seu coração!

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Lucy, fico muito satisfeita em ter este retorno seu. É sempre muito gratificante sentir o quanto ressoa na alma de outro ser, algo que expressamos. Gratidão! Paz Profunda!