terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Antídoto Espiritual : A Compaixão

- Self Compassion -


A nossa natureza compassiva suaviza a intolerância com amor e compreensão, levando-nos ao perfeito equilíbrio.

A compaixão nos brinda com paciência, visão ampla, aceitação, tolerância e amor.

Quando somos compassivos, o nosso coração fica grande o suficiente para que aceitemos os outros como eles são, icluindo as suas falhas.
Alinhar ao centro
A compaixão nos ajuda a reconhecer e aceitar o fato de que nós também temos falhas, cometemos erros e às vezes ficamos confusos, desorientados e inseguros.

Ela nos leva a ver que são as nossas falhas e imperfeições que nos dão profundidade e originalidade.

Ela permite que nos olhemos no espelho e vejamos nossa verdadeira beleza, mesmo em meio aos julgamentos e criticismos do nosso ego ferido.

A compaixão nos confere empatia e a licença para sermos totalmente nós mesmos.

Através dos olhos espirituais da compaixão, nós nos vemos como um filho adorado deste universo divino.




Autoria: Debbie Ford
Livro: Como Entender O Efeito Sombra Em Sua Vida


Imagem:
quintmiami.com



14 comentários:

Maria Tereza Venzke disse...

Oi Adélia


Excelente post. Excelente livro .

C/ sua permissão vou compartilhar c/ meus leitores.

Um beijo na alma.

Anônimo disse...

Adélia, houve um problema no computador, deixa te contar, a atual do meu ex trabalha no mesmo prédio, e ela nã´é nada discreta, quer a todo tempo aparecer, nossa isso ainda está me incomodando, ela passa o tempo todo não pára, ela é muito muito "aparecida", pode kkkkk.
Bom quero permanecer na minha minha, não é nada agrádavel, mas preciso desse emprego.
Adélia como agir, como posso fazer algo pra que essa "doida" não me "atingir".
Ai amiga isso me deixou insegura.

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Oi, Maria Tereza

Fique à vontade para compartilhar.
Beijo de alma para alma.

Anônimo disse...

Oi Adélia o comentário acima é meu, é que o computador deu problema ficou confuso e esqueci colocar meu nome estava tão nervosa kkkkk, hoje foi meu dia no trabalho e a ex está lá trabalhando, bom fiquei nervosa, não é nada agradável sua presença lá, mas deus me dará toda força para seguir.
Walquíria.

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Wal...Compreendo sua preocupação, porém quanto mais centrada você estiver menos se afetará com a presença dela. Focalize tudo em sua essência natural e nas coisas e pessoas interessantes ao seu redor. Desta maneira estará fortalecida para se sentir mais e mais você. Boa sorte! Beijo.

Sandra Portugal disse...

excelente postagem! gostei demais! bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Que bom ter gostado,Sandra! Beijos.

Anônimo disse...

Oi Adélia, nossa desculpas...
Sabe Adélia fiquei pertubada quando cheguei no trabalho e vi a "pessoa", daí queria falar contigo, queria gritar, fiquei insegura, triste, enfim... Mas estou melhor, está passando, a cada dia me sinto melhor e a façod e transparente, ela é bem "aparecida", entende?
E peguei suas palavras e fiz um mantra kkkkkk.
Adélia tu es muito especial pra mim, obrigada!
E sempre vou te procurarkkkkk
tchau!

Anônimo disse...

Oi, Adélia quem escreveu fui eu Walquíria, esqueci de novo de colocar!

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Walquíria, não se preocupe, sei quando é você que me escreve (mesmo sem que coloque seu nome). Evocar mantras, auxilia a estabilizar corpo e mente. :) Beijo.

Maria José disse...

Adélia querida. O mundo precisa mais de compaixão. Segundo o Espírito Hammed, "ter compaixão é possuir um entendimento maior das fragilidades humanas. É quando nos tornamos mais realistas, menos exigentes e mais flexíveis com as dificuldades alheias." É o colocar-se no lugar do outro, ter empatia. Lindo texto. Beijos e ótimo final de semana.

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Querida Maria José, muito bem lembrada a reflexão de Hammed. Gosto muito da forma como ele se expressa. Um fim-de-semana maravilhoso a você! Beijos.

Angel disse...

Oi, vim conhecer o seu blog e devo dizer que é uma luz. Senti-me perfeitamente em casa.
Ah, cheguei aqui através do Arca, da Maria José, e se me permitir, vou te seguir.
Sobre o seu post, eu concordo em género, número e grau. Ter compaixão é amar sem limites, é reconhecer as próprias falhas e perceber que todos nós temos defeitos e qualidades. Ter compaixão é viver de acordo com a Vontade de Deus, e é disso que o mundo inteiro precisa. Mais compaixão, mais amor, e o olhar mais voltado para dentro de si mesmo que é onde Deus habita.
Beijo na alma.
Angel.

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

Angel, seja bem-vinda! Grata por sua valiação positiva do blog e comentário atencioso. Venha sempre que puder. Sua presença acrescentará muito. Beijo.